MUSICOTERAPIA

Publicado: Dec 26, 2011 por admin Arquivado em: Artigos Visualizado: 7,119 Tags: MUSICOTERAPIA
[+] [a] [-] Artigos Relacionados Comentários

Tratamento através da música não é fantasia; é real

Por Osvaldo Correa

 Como funciona?
A nível psicológico somos influenciados pelos acordes musicais e também pela mensagem contida na letra. Uma vez modificado nosso padrão vibratório mental, nosso organismo se reajusta a nível energético provocando a auto cura e ainda abrindo espaço para que os espíritos superiores possam agir em nosso organismo.
A nível científico, o som musical é transportado por ondas sonoras através da F.C.U., e para entendermos o seu mecanismo de cura é preciso algum conhecimento básico sobre ondas e notas musicais.

Onda possui três características básicas:
a - Comprimento de onda, amplitude de onda e freqüência, quanto maior o comprimento de onda é menor e a amplitude e também a freqüência, conseqüentemente este tipo de onda possui menor VIBRAÇÂO, tons menores indicado para tratamento de pessoas agitadas e nervosas.
b - Quanto menor o comprimento de onda, maior será a amplitude e a freqüência, conseqüentemente terão maior velocidade e poder de penetração, indicado para tratamento de pessoas apáticas, melancólicas ou com baixa vibração.
Por isso, Jesus, dirigindo-se a pessoas aparentemente vivas disse:
Eu vim para que tenham vida, e vida em abundancia (fluido vital).
Por sua vez, as notas musicais possuem tons maiores e tons menores.
Os tons menores são notas com ondas sonoras mais lentas, melancólicas, diminuem a vibração, não é musica para ser ouvida por quem já está abatido, “pra baixo”, baixará mais a sua vibração. Os tons maiores ao contrário são notas mais rápidas, alegres, animadas, aumentam a vibração. Indicado para tratamento de pessoas apáticas depressivas, etc.
Indicamos a seguir argumentos a favor da implantação da música nas casas espíritas.
Questão 251 do L.E. Sensibilidade dos espíritos à música.
a - O espiritismo moralizará os homens e estes então só produzirão boas músicas. Obras Póstumas
b - A musica influencia o progresso moral dos homens. 'Obras Póstumas'
c - A boa música liga o ser ao criador por sua harmonia celeste. O. P.
d - O espiritismo deve orientar aos homens a ouvirem boa música. O. P.
e - O espiritismo depura a boa música. O.P.
f - A influência da música na recuperação de criminosos. Revista Espírita, maio 1864, pág.257.
g - A influencia da música no tratamento de loucos, cretinos e idiotas. 'Revista Espírita'. maio de 1864, pag258.
Além destas recomendações da Codificação de Allan Kardec, Leon Denis, contemporâneo de Kardec, no Livro O Espiritismo na Arte, transcreve as seguintes mensagens dos espíritos O Esteta e Massunes:
1 - A musica é a voz dos céus profundos. Tudo no espaço traduz-se por vibrações harmônicas, e certas categorias de espíritos, não comunicam entre si senão através de ondas sonoras. O Esteta, pág. 79.
2 - A música ocupa lugar considerável nas manifestações de culto que as almas prestam a Deus. O Esteta, pág. 79.
3 - Não há cerimônia religiosa verdadeiramente eficaz e completa sem o cântico. Pág 89
4 - A música influi sobre a saúde física por sua ação sobre os fluidos humanos. Pág 90
5 - O cântico produz uma dilatação salutar da alma, uma emissão fluídica que facilita a ação das forças invisíveis. Pág. 89.
Enfim teríamos que transcrever o livro todo para conseguir falar de todos os benefícios da música.
Para não deixarmos o texto longo, sugerimos aos que amam a música e aos que proíbem a música nas casas espíritas à leitura deste livro O Espiritismo na Arte de Leon Denis.
Em nossa casa, (www.alvoradanova.org.br) verificamos na prática os seguintes benefícios:
a - A harmonia do ambiente, antes, durante e depois dos trinta minutos de musicoterapia, é sentida não só por nós os trabalhadores da casa como por todos os que nos visitam, como sendo dos mais elevados.
b - A recuperação da harmonia físico-espiritual dos atendidos que nos procuram se processa de maneira rápida e eficaz.
c - Como as pessoas que ouvem as músicas espíritas podem acompanhar cantando com voz suave e menos altura que o cantor ou cantora, há neste momento salutar intercambio de energias entre todo o grupo.
d - Em nossa casa não temos placas dizendo: "SILÊNCIO" ou "O SILÊNCIO É UMA PRECE". Mesmo sem a música em alguns intervalos o silêncio é respeitado.


Envie um Comentário

Seja o primeiro a comentar
Seu Nome:


Seu comentário:


Confirme:



* Por favor, mantenha seus comentários curtos. Máx 400 caracteres.